Without exit

with 3 comentários

I was walking in Évoramonte, when I arrived at the village cemetery at the end of a street.

While I watched the entire surrounding, my eyes were confronted with this sign.

In fact, it was a street without exit.

But the placement of the signal at that particular place creates impact.

It’s even a place with no exit.

Who enters, no longer exits!

At least in this life …

——————————

Andava a passear por Évoramonte, quando cheguei ao cemitério da aldeia no final de uma rua.

Enquanto observava toda a envolvente, os meus olhos depararam-se com este sinal.

De facto, era um rua sem saída.

Mas a colocação do sinal naquele lugar específico cria impacto.

É mesmo um local sem saída.

Quem entra, já não sai!

Pelo menos nesta vida…

Without exit (Évoramonte, Portugal)

Please follow and like me:
20

3 Responses

  1. Fabrício
    | Responder

    Essa é a única certeza que temos
    Cemitérios sempre resultam em excelentes ângulos e perspectivas
    Abraços

  2. Manu
    | Responder

    Um título muito bem escolhido sem dúvida. Ao olhar para esta foto lembrei-me de um professor de fotografia que disse que os cemitérios davam fotos lindas e aqui está a prova.

  3. Beites
    | Responder

    Humor é connosco…

Leave a Reply